quinta-feira, 1 de dezembro de 2005

Restauração

Hoje também é dia de restauração da independência. Há 365 anos a dinastia dos Filipes foi corrida de Portugal, Miguel de Vasconcelos foi atirado da varanda e proclamou-se a independência.
Na Praça dos Restauradores, em Lisboa, um daqueles eventos a que só alguns saudosistas septuagenários assistem (como comemorar a implantação da República a 5 de Outubro e outras coisas assim) obrigou ao corte do trânsito provocando o pandemónio na Avenida da Liberdade (e os pobres dos automobilistas, que se calhar só queriam ir passear ou fazer compras, a gramar aquilo debaixo duma chuva incessante).
Vendo o estado a que Portugal e Espanha chegaram 365 anos depois, o que apetece perguntar é se valerá mesmo a pena comemorar...

Kroniketas, sempre kontra as tretas