domingo, 19 de setembro de 2004

Nada como manter as tradições

Acabei de ver há pouco na SIC Notícias uma reportagem sobre o renascimento do Ku-Klux-Klan nos EUA. No estado de Indiana fazem recrutamento de jovens (até um de 12 anos lá estava!!!) que acreditam no Klan e no white power. Claro, querem acabar com os pretos, os amarelos, os mestiços e tutti quanti.
Acho bem, porque isso é que mantém a tradição do povo rural. Afinal, se já havia a tradição de exterminar os índios e escravizar e queimar os pretos, porque raio é que acabaram com essa tradição tão cara ao povo rural e humilde do sul? Vejam lá que até fizeram uma guerra porque havia uns maduros (intelectuais de esquerda com a mania da superioridade moral, com certeza) que queriam acabar com a escravatura, que era uma longa tradição! E no fim até ganharam! Gandas malucos!

Kroniketas, sempre a favor das tradições dos mais humildes