sábado, 22 de janeiro de 2005

E havia alguma dúvida?!?

(ou “Volta Camacho qu’estás aperdoado! – 2”)

Se alguém ainda tivesse alguma dúvida de que este treinador não nos serve, essas dúvidas teriam ficado dissipadas hoje, no jogo com o Beira-Mar. Não se está a dizer que a culpa da má exibição foi exclusiva do treinador mas quando, num jogo com o penúltimo classificado, a equipa entra apática e continua apática e na mesma depois do 0-1, depois do 0-2, e não se vê qualquer atitude por parte do treinador para incentivar a equipa, para lhe dar ânimo, para lhe modificar a táctica desajustada ao decorrer do jogo, então há alguma coisa que está mal! Por muito maus que os jogadores sejam não são tão maus assim. Por essa ordem de ideias, o Beira-Mar nunca poderia ganhar, porque os seus jogadores seriam piores. O treinador está lá por isso mesmo – ganhar com equipas de estrelas é teoricamente fácil, onde se vê o valor do treinador é no que ele consegue fazer com o grupo que tem, com todos os seus defeitos e todas as suas vantagens.
Se nos jogos em casa, com equipas do fim da tabela, a equipa entra no jogo com medo é porque isso lhe é incutido pelo treinador e pelas suas tácticas defensivas e ultrapassadas! No jogo de hoje não se viu um único cruzamento feito da linha final nas costas da defesa adversária. O que se viu foram lançamentos longos para o ataque, um comportamento completamente desajustado face à defesa bem organizada do Beira-Mar.
Como se diz nos panfletos bancários sobre fundos financeiros, os comportamentos passados não garantem os comportamentos futuros – não podemos ser treinados por uma recordação! O que o treinador Trapattoni fez no passado, o que ganhou e perdeu, não constitui garantia nem valor – ele tem de ganhar é agora! Se quer curtir a reforma aqui, é melhor ir embora quanto antes.
Os lenços brancos de hoje – pondo de lado as psicologias de multidão e os populismos de pacotilha – significam o que todos sentimos: um treinador que não treina não nos serve. De que serve comprar avançados se só joga um de cada vez e as tácticas são defensivas? O Benfica sempre jogou ao ataque e é assim que devia continuar, tenha uma equipa fraca ou forte, jogue contra quem jogar! O resto é contra-natura!

tuguinho, cínico chateado (muito)