sexta-feira, 2 de setembro de 2005

O espelho do país

“Nas mais diversas câmaras do país há projectos imobiliários que só podem ter sido aprovados por corruptos ou atrasados mentais”
(Paulo Morais, ex-vereador de Urbanismo do Porto, em entrevista à Visão)

É isto que nós somos: um país de corruptos e atrasados mentais. Nada retrataria melhor a podridão em que temos vindo a cair do que esta frase. Todas as trapalhadas, vigarices, compadrios e falcatruas a que assistimos diariamente por parte dos que mandam ou têm poder só confirmam esta tese: Portugal está dominado por um enorme bando de escumalha. Do que isto estava a precisar era de uma enorme barrela. Que viesse um furacão e atirasse tudo ao mar para depois se repovoar. Não, não pensem que estou a fazer uma piada de mau gosto com o furacão que provocou a inundação de New Orleans: para Portugal aquilo não chegava, tinha que ser muito mais devastador!

Kroniketas, sempre kontra as tretas