domingo, 12 de dezembro de 2004

Fazemos um ANO, karago!!!

Kuando, no dia 11 de Dezembro de 2003, apareceu um tímido post a abrir as hostilidades, era difícil divisar nessa akção a inkomensurável importância ke este blog ia ter para o país. Manobrando na sombra, longe das luzes da ribalta (esta é uma terra ke nunca konsegui deskobrir no mapa…), desde a publikação da Deklaração de Intenções, a 12 de Dezembro, ke pugnamos por um Portugal menos tuga, ou seja, ke funcione. Não está a ser tarefa fácil, mas alguns kometimentos recentes tiveram a nossa mão ou, pelo menos, o nosso dedo:
Dissolução da Assembleia da Repúblika – foi difícil konvencer o Sampaio, levou kuatro meses, mas akabámos por konseguir!
Pinto da Kosta no Apito Dourado – esta foi a mais problemátika, mas também a mais rekompensadora. Ainda não está assegurado, embora o mais komplikado já tenha sido feito – com kualker máfia, o primeiro passo é sempre vencer o medo de kem sabe a verdade.
Partidos da direita konkorrem separados – esta aki foi mesmo para vermos o PP kom menos votos ke o BE. É ke o Portas tem inchado imenso kom estas presenças nos governos – até já se eskeceu ke o PP ia embalado para o oblívio, juntamente kom o PC (estes ao menos são koerentes e deram mais uma fakada no moribundo kom a “eleição” do kamarada Jerónimo; faz-nos lembrar um certo chefe índio, homónimo do kamarada…). Esta separação já é efektiva, pois o Portas já devolveu o anel de noivado ao Lopes.
Komo vêem, não temos estado parados. Também não nos temos mexido muito.
E também prometo ke esta é a primeira e última vez ke eskrevemos um post assim. Juramos (além de tudo, kustou imenso!).

Os Diletantes Preguiçosos (e um bokadito orgulhosos, vá lá)