domingo, 8 de maio de 2005

Eu já tinha dito que era até ao fim…

Como se provou mais uma vez, este ano o campeonato vai ser ganho pelo menos mau.
Quanto ao Penafiel-Benfica, queria tecer algumas considerações:
1. O Benfica jogou muito mal e não merecia ganhar o jogo. Não se compreende a falta de empenho e de garra quando este resultado era mais um passo para o título. Há falta de mão na equipa, não se criam oportunidades de golo, mas o Trapattoni vem dizer no final que está tudo bem.
2. Estranhamente, uma “gravata peitoral” feita a Mantorras na área do Penafiel não mereceu as mesmas 30 repetições que a que o Ricardo Rocha tinha realizado num outro jogo, e que foi considerada um escândalo por não ter sido marcada grande penalidade.
3. Falando de grandes penalidades, foi só o papa do submundo falar sobre a arbitragem para que o que era penalti até agora tivesse deixado de o ser. E já voltou a tese da cabala contra o Porto – este tipo de jogadas chama-se contra-informação e só resulta porque há jornalistas que são capachos de certas pessoas.
4. O Benfica continua a depender apenas de si próprio – e acho que esse é o maior perigo…
E pronto, agora a ver vamos, como dizia o desfavorecido visual completo (vulgo “ceguinho”).

tuguinho, cínico ensimesmado