quinta-feira, 19 de julho de 2007

Esbodeganço



Ai que no próximo fim-de-semana é que vai ser! Fui convidado para a festa da vitória nas eleições intercalares da Junta de Freguesia de A-das-vacas! Excursão e festança a seguir, e sem pagar nada!
Está certo que não conheço ninguém em A-das-vacas, mas que mal é que isso tem? Como é que ia conhecer se aquilo é longe de Lisboa como o caraças e eu não tenho família nem lá, nem em mais de 100 km ao redor? Dahhhhhh!
Não faço ideia quem está a pagar isto tudo nem me interessa. O mais engraçado é que o meu avozinho contava-me umas histórias parecidas passadas noutros tempos, mas aí eram as pessoas da província que vinham a Lisboa. Devia ser diferente porque acho que eles nessa altura sabiam ao que iam e até conheciam o homem que iam apoiar. Acho que não podiam era dizer que não. Outros tempos…
Só não percebo porque não convidaram pessoas de lá! Já dizia o outro, dá Deus nozes a quem não tem dentes. Parvalhões! Em vez de homenagearem quem merece se calhar vão para a praia (a conhecida praia fluvial do Pulo da Vaca!*) ou para a discoteca (a afamada Coice!*), laurear a pevide. Melhor! Mais fica!
Só espero que não me tentem impingir nenhum colchão ortopédico como na última excursão em que fui…

Rogério Profundo, cidadão do mundo (e de A-das-vacas também!)
* sim, porque eu já me andei a informar sobre a zona!