terça-feira, 16 de agosto de 2005

Asneiras em catadupa

Há quem chame a esta época “silly season”, porque normalmente não acontece nada de relevante em termos políticos e como tal vão surgindo por aí uns quantos disparates destinados a criar factos políticos (claro que o facto de o preço da gasolina subir quase todos os dias, ou de o país continuar a arder e de se registarem 57% dos incêndios da Europa mediterrânica não contam para este efeito...).
O curioso é a comunicação social também ser contagiada pela época dos disparates. Assim, nos últimos dias apanhei estas duas pérolas nos noticiários televisivos:
TVI – Grande surpresa: na Austrália nunca se tinha visto um verão assim! Imaginem que caiu um enorme nevão no país dos cangurus! Acontece é que, como cá é verão e a Austrália está situada no hemisfério sul, lá é Inverno!!! Oh animais, não tiveram lições de geografia? Bravo, Júlio Magalhães!
SIC – Esta é do inefável Nuno Luz: o Benfica treinou no Estádio Nacional... à porta fechada. Ah, pois foi: enquanto ele dizia isto via-se um casal sentado nas bancadas. Mas houve um pormenor que me deixou curioso: à porta fechada... mas que porta??? Onde estão as portas para fechar no Estádio Nacional? Será que o Nuno Luz nunca reparou que se pode aceder ao estádio através da mata circundante?
Moral da história: cada país tem as televisões que merece. Estes são os canais que inventaram o “Big Brother”, o “Levanta-te e ri”, a “Quinta da Celebridades” e agora essa coisa inenarrável e abjecta que dá pelo nome de “Fiel ou infiel”, e que preenchem toda a sua programação nocturna com novelas. Está tudo dito.

Kroniketas, virado para o sol