terça-feira, 8 de abril de 2008

Rui escondido com Santos de fora

Mensagem enviada ao comentador Rui Santos, que no passado Domingo se absteve de comentar:

"Desta vez não viu bem o que se passou...

…e por isso, e para que continue a acreditar que realmente vale a pena ouvi-lo, espero que volte a comentar o lance em que Mateus derruba primeiro Petit na área e, seguidamente, impede Leo de prosseguir pisando-lhe o pé direito. Quero acreditar que não viu bem as imagens da jogada – que foram aliás profusamente repetidas, e de vários ângulos, pela reportagem da SporTV, porque elas são totalmente elucidativas.
No lance da presumível mão, a bola muda de trajectória quando chega ao jogador axadrezado – e para que isso aconteça teve de lhe tocar! Ora no peito dele não tocou, o que me leva a concluir que foi com o braço, visto que a bola não se lhe aproximou de outras partes do corpo. Mas como não há imagens de outra câmara, não tenho 100% de certeza e até concedo o benefício da dúvida.

Ver futebol desapaixonadamente pode ser muito bom, mas para proteger os árbitros não se devem branquear os seus erros.
O Benfica podia e devia ter ganho sem precisar das consequências desses lances? Pois devia! Mas é no mínimo ardiloso que se elidam esses erros pelo demérito nas outras jogadas.
E para que não pense que sou só mais um adepto faccioso, digo-lhe que achei muito bem que o penalti contra o SLB fosse marcado, porque existiu! Vejo futebol apaixonadamente, mas tenho cérebro suficiente para saber que a classe dirigente do futebol (nos clubes, federação e liga) é do piorzinho que gerámos neste rectângulo mal plantado à beira-mar, e que há culpas distribuídas por muitas capelinhas e poucas virgens inocentes no meio. Mas aborrece-me muito ver a verdade desportiva distorcida, por muito mal que o futebol ande no país e no meu clube.
Obrigado"

tuguinho, cínico encarnado (de coração e de indignação!)